Notícias »

Mais 700 uniformes escolares são entregues por reeducandos em Alto Araguaia

MARCOS CARDIAL
Alto Araguaia 16 de outubro de 2014, 15h10

A rede pública de ensino do município de Alto Araguaia foi, mais uma vez, beneficiada pelo Projeto Educando para Ressocializar. Por meio de atividades de corte e costura foram entregues ABILENE UNIFORMESnesta terça-feira (14) cerca de 700 uniformes que serão repassados às unidades escolares e chegarão às mãos de alunos da educação infantil lotados nas Escolas Municipais Maria Júlia de Almeida, Izoldina de Castro Maia e Maria Ferreira Ribeiro.

Atualmente, diversos projetos que visam a ressocialização do reeducandos são desenvolvidos na cadeira pública local, entre eles, aulas de música, de informática, alfabetização e de incentivo à leitura e mais recentemente foi iniciado o projeto de produção de tijolo ecológico.

A entrega de mais uma remessa de uniformes aconteceu na Secretaria Municipal de Educação e foi feita pelo diretor da Cadeia de Alto Araguaia Luiz Gustavo à secretária Abilene Antônia Bastos de Queiróz. Todos os projetos em Alto Araguaia são desenvolvidos em parceria com direção da unidade por meio de parceria firmada entre a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), Prefeitura Municipal, Poder Judiciário e Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPE).

“A Unidade Prisional tem vários projetos de ressocialização, entre eles, a oficina de Corte e Costura com a confecção de camisetas, lençóis, aventais para os feirantes em Alto Araguaia e uniformes para outras unidades prisionais em Mato Grosso”, detalha Luiz Gustavo, direito da cadeia. “Todas as camisetas estão estampadas e prontas para o uso. No projeto de corte e costura contamos com o envolvimento de sete reeducandos e essa entrega é mais uma etapa deste trabalho”, completou.

A secretária de Educação, Abilene Bastos Queiróz, ressaltou que os uniformes serão destinados às unidades de ensino que atuam na educação infantil no município de Alto Araguaia. “São mais 700 camisetas. Vamos destinar às escolas para que os diretores entreguem aos alunos e já preparando também para o próximo ano letivo. É um trabalho muito bem feito. Recebemos as camisetas já prontas para o uso. É um projeto que tem contribuído com a educação no município, pois oportuniza uma padronização dos uniformes dos alunos da rede municipal de ensino”, destacou a secretária.

De acordo com a direção da unidade, diversos reeducandos já receberam certificado de participação nas atividades do projeto. “É uma grande oportunidade que eles têm de voltar a conviver em sociedade. A vida de muitos deles aqui já mudou”, destacou Gustavo.

Projeto ampliado

Os detentos da Cadeia Pública de Alto Araguaia ganharam mais uma oportunidade para se capacitar por meio do curso de costureiro do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). As aulas serão realizadas dentro da própria unidade prisional. O Senai local é o órgão responsável pela capacitação. A formação profissional é totalmente gratuita. Os recuperandos receberam, gratuitamente, o material escolar e as apostilas.

 

 




%d blogueiros gostam disto: